Nau Desgovernada

Como afundar uma Universidade

Nas águas de Cachoeira

Todo mundo deve se lembrar da queda do ex-ministro José Dirceu. Homem forte do governo Lula enrolou-se todo quando seu assessor, Waldomiro Diniz, foi pego em flagrante cobrando propina do bicheiro Carlinhos Cachoeira.

Como o bicho anda solto, o dono também caminha livremente. Quer ver só?

Nesse link:

www.jornalestadodegoias.com.br/coluna_detalhe.php?id_coluna=143&&id_colunista=3 você poderá ter o desprazer de ler um texto de Henrique Morgantini, editor-chefe do Jornal do Estado de Goiás e testa-de-ferro do Ernaninho. Nosso menino-rei mimado (eu não disse Momo, disse mimado), foi sócio de Morgantini na TV Comunitária de Anápolis, canal 14 da NET. Aquela mesma TV que usou, contam minhas fontes, as câmeras de vídeo do curso de jornalismo da SMarcos, enquanto os alunos ficavam sem as devidas aulas, pela falta dos equipamentos em sala.

No texto choroso, meloso e ruim de Morgantini aparece o seguinte trecho sobre a fundação da TV Comunitária de Anápolis:

Ernani José de Paula, ex-prefeito de Anápolis e figura polêmica da política de Goiás, foi pai-fundador desta idéia e benfeitor da concepção. Foi ele quem conseguiu este benefício para Anápolis.”

Mais adiante a revelação despudorada que junta a bicharada toda nesse grande circo que nos tem como palhaços:

“Após sua precária implantação, com erros e desacertos, desencontros e demais dificuldades próprias de se montar algo definitivamente novo e desconhecido, a TV recebeu um novo impulsionador, um novo incentivador. Carlos Augusto de Almeida Ramos, conhecido na cidade e em grande parte do território nacional como Carlos Cachoeira, foi quem deu nova vida à recém-nascida que volta e meia precisava retornar à UTI.”

Ou seja, Ernani José de Paula – vulgo Ernaninho, nosso menino-rei momo, digo, mimado – tem como sócio um conhecido bicheiro na cidade (de Anápolis) e em grande parte do território nacional, por suas ligações com o submundo do jogo e da importação de máquinas caça-níqueis ilegais.

Lembrei-me de uma propaganda institucional na TV Cultura que ensinava para as crianças que “banhinho é bom”. Banhinho nas águas quentes de Cachoeira, com dinheiro ilegal a esfregar pelo corpo… …vixe… é o bicho!!!

Um abraço do Almirante!

setembro 8, 2008 - Posted by | Uncategorized

6 Comentários »

  1. Imagina, caro almirante…
    Tal família (Sr. Erni, Ernaninho, Marcio e Luciane) por ser um modelo de boa indole, está longe de qualquer suspeita!!!
    É inacreditável!!!
    Ou é muita cara-de-pau ou muita ingenuidade…
    A propaganda da USM ainda está baseada no tripé:
    CONHECIMENTO
    ÉTICA
    CIDADANIA

    Eles se consideram ÉTICOS E CIDADÃOS?!?!
    Ou está ocorrendo uma inversão de valores ou estamos todos ficando loucos!!!

    Fala sério?!

    Comentário por Apenas mais um credor da USM | setembro 8, 2008 | Responder

  2. Realmente é de ficar com os cabelos em pé! Acredito que exista muita sujeira embaixo do “tapete- família USM”. Vamos aguardar que a verdade está apenas começando a aparecer!
    Eu fui no sinpro pra entrar com o processo. E o advogado me disse que eles não pagam os funcionários de sacanagem. Foi constatado no dossiê do sinpro para o MEC que a USM tem dinheiro, mas eles não gostam de pagar. O Ernaninho nunca teve controle com $$ e sempre foi muito mimado! Ele quer gastar o que pode e o que não pode..Coitadinho!!!!!!! Hahahahahahaha..Vamos conseguir Justiça…Tenho certeza!!Força pra todos!!!!!

    Comentário por Mais uma demitida | setembro 8, 2008 | Responder

  3. Aqui está o convite para os alunos da são marcos…
    Avisando que a pauta sobre o movimento estudantil está aberta a quem quizer falar… gostaria que, se possível, algum aluno da são marcos viesse falar sobre o movimento lá… qualquer coisa me mandem um e-mail.. ccvalezin@gmail.com
    até!

    Dia 13/09/2008 data 1 ano de okupação da reitoria da F$A.

    Esta data marca um período intenso de movimentação dos Estudantes de Santo André na luta contra a mediocridade e a corrupção; por maior participação nas decisões; por respeito aos estudantes e; principalmente, PELA EDUCAÇÃO PÚBLICA E DE QUALIDADE.

    Convidamos todos a participarem das atividades de comemoração de 1 ANO DE OKUPAÇÃO DA REITORIA DA FSA!

    Sábado – 13 de setembro de 2008.

    À partir das 13hs mesa de debate sobre o movimento estudantil e as okupações no brasil; oficinas e; intervenções artísticas.

    Às 20h Festa na FAFIL

    O endereço é Av. Príncipe de Gales, 821 – Bairro Príncipe de Gales – Santo André – SP
    Quem vier de São Paulo, é a saída 16 da Anchieta (saída onde tem um Hipermercado Extra)… só seguir a av da saída e já encontra a FSA…

    REPASSEM AOS COLEGAS DE OUTRAS UNIVERSIDADES

    Comentário por Carla | setembro 11, 2008 | Responder

  4. Olha a coincidencia dos melões:

    A suplente do DEMOstenes era presidente do Instituto Melon e os fundos do Opportunity forma para BNY Mellon Serviços Financeiros

    Comentário por Adriano | setembro 11, 2008 | Responder

  5. “Para que os maus prevaleçam, basta que os bons não façam nada”…..
    as vezes penso se devo ou não acreditar em certas coisas que aqui acontecem…Onde já se viu, salários atrasados e falta de respeito…quem trabalharia mais de um mês sem receber, e ficaria de boca fechada ??!! Eu não !! Vocês ficariam ??…não sei, mas provavel que sim, e por isso, eles fazem oque fazem…fique um mês sem pagar os funcionários dos correios ou os metroviários, para ver oque acontece…Só na SM mesmo para ter essas coisas…

    Comentário por amigo(a) | setembro 14, 2008 | Responder

  6. Em quem acreditar? Numa Universidade tradicional como a São Marcos ou numa pessoa anônima, auto intitulada “Almirante Negro”, que certamente é um dos docentes demitidos que querem a ruína da Instituição?

    Temos que ser objetivos. Será que a ruína da Universidade, a paralisação dos professores, o boicote no pagamento das mensalidades e a greve, são a solução para os problemas de uma Instituição? Não mesmo. Isso é uma atitude que certamente piorará a situação do curso, da Instituição e logicamente dos alunos.

    Qual aluno quer ter um diploma de uma faculdade que fechou? Querem ter orgulho da Instituição em que estudam. A reivindicação, ao contrário do que deseja este “Almirante Negro”, é válida, e também um direito do aluno de cobrar da Faculdade melhoras.

    A questão de salários de funcionários e de professores é problema único da Instituição, e não dos alunos, que não merecem dos professores o que estão fazendo. Se o professor não recebe o salário em dia, e não tem condições financeiras para comparecer ao trabalho, ele tem todo o direito de informar o fato à Instituição e ficar em casa, devendo a Universidade substituí-lo de maneira à nunca prejudicar o aluno, que paga suas mensalidades e merece o melhor ensino possível.

    Me parece contra a ética profissional o professor que reclama em sala de aula da própria Instituição e comparece à aula e não faz o seu dever, ou seja, ensinar os alunos com competência.

    O problema de inadimplência, demissões em massa, corte de gastos e problemas financeiros é um problema enfrentado pela maioria das Universidades particulares de São Paulo. Recentemente uma Instituição de ensino de São Paulo demitiu cerca de 700 funcionários. Muitas outras são de baixíssima qualidade de ensino.

    Será que realmente a opção é mudar de instituição? Transferir de faculdade pode se tornar um grande problema ao aluno. Adaptações à grade, perda de informações, mudança de hábitos e endereços, alteração de valores de mensalidades, etc., são uns dos grandes problemas que serão enfrentados.

    Talvez devêssemos apoiar a Universidade e acreditar na melhora. Todos sabemos que uma Universidade não fecha as portas. O mínimo que pode acontecer é a venda à algum grupo de investidores que certamente colocará suas despesas em dia.

    Existem muitas pessoas interessadas numa situação de caos total, como é o caso do “Almirante Negro”, de alguns professores demitidos, de alguns alunos que saíram. Boatos de que professores ganharão alguma vantagem de outras Instituições levando alunos para lá, assim como alunos que ganharão bolsa fazendo com que sua turma transfira para alguma Instituição. Essas pessoas certamente não estão dando a mínima para os alunos, mas sim pensando em benefício próprio.
    Quem aqui nunca enfrentou uma situação difícil? A Universidade São Marcos, assim como qualquer outra está numa fase difícil, com a crise da Bolsa de Valores, inadimplência alta, etc.

    Não podemos deixar de cumprir com nossa obrigação de aluno com o pagamento das mensalidades, para que a Faculdade possa cumprir com a dela. O professor também tem o dever de cumprir com sua obrigação ética e profissional de ensinar bem. Por fim, a Universidade tem o dever de cumprir com todas as suas obrigações salariais, etc. Para isso, todos tem que andar juntos, vestir a camisa e trabalhar para o melhor para o aluno.

    A São Marcos tem 39 anos. É respeitada no Brasil inteiro. Mesmo diante das dificuldades não deixou de oferecer qualidade de ensino, ao contrário de muitas Instituições.

    Portanto, entendo que a questão é somente uma: devemos continuar nossos estudos, pagar a Universidade em dia, exigir do professor o melhor ensino, e exigir da Universidade as melhoras necessárias, seja de infra-estrutura, seja de professores, seja de funcionários, etc.

    Não devemos confiar em quem nem sequer sabemos quem é…rsrs O Barco não irá afundar como o “Almirante Negro” quer.!!!

    Comentário por Sensato | novembro 4, 2008 | Responder


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: